Cemitério

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cemitério

Mensagem por Juno em Qui Jun 28, 2012 7:50 am




Cemitério
• Descrição •


É tudo meio escuro com uma floresta ao seu é redor, longos tronco de árvores e apenas o som dos galhos sendo movidos pelo vento. O cemitério é dividido em duas partes.
O antigo cemitério, que data a Guerra Civil e muitas lápides traziam nomes de soldados. O lugar tem a aparência selvagem; amoreiras e mato alto crescem nas sepulturas, e trepadeiras cobrem o granito esfarelado. E o novo cemitério, que é bem menos sombrio, contém lápides novas e estátuas nos cantos em homenagem aqueles que se foram, sempre tem flores novas em frente as lápides e é bem mais frequentado, mas porém, contém um nevoeiro que nunca acaba, vindo do antigo cemitério, e alguns corvos rodeiam ali.

Template@Sharmelles


Juno
Mensagens :
67

Dracmas :
5747

Reputação: :
0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Aaron F. Willian em Sab Jun 30, 2012 3:34 pm

Cemitério!

<< #001>>




Um dia como todos os outros, bebendo sangue para sobreviver, pegando outras vampiras...Puro tédio! Mas fazer o que? Elas não resistem a mim. Vou em direção ao cemitério, um lugar frio e misterioso, com vários túmulos e nos túmulos os mortos (u.u). Coloco as mãos no bolso da calça e fico andando entre as sepultura.


Aaron F. Willian
Mensagens :
4

Dracmas :
4974

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Angeline Pervensie em Sab Jun 30, 2012 3:54 pm

{The good girl

and the only thing left
{was a bad girl.}



Today is 30/06/2012

Party!

The Clothes :Aqui

Interaction with no one






-Falas



Como sempre eu vivia isolada, não gostava muito de conviver muito com os outros, preferia ficar ... sozinha, não via nem a cara deles, só quando voltava para a casa a noite e se voltava. Não é que eu não ligue para eles, mas prefiro ficar sozinha, a não ser que alguém do meu clã precise de ajuda, ai é uma obrigação, fora isso. [...]
O dia mal havia começado e já estava tedioso, então resolvi sair a busca de alguma brincadeira MUAHAHA. Deveria estar marcando 18:00 em ponto no relógio e eu indo em direção ao cemitério, mas não havia o que temer. Rapidamente cheguei, olhei a minha volta e senti um leve perfume, mas não era conhecido e era masculino. - Diversão! - Disse num tom de voz quase semelhante a um sussurro e comecei a andar seguindo aquele cheiro. Não demorou muito e logo o avistei, puxei o ar para sentir o cheiro de seu sangue, mas não senti o cheiro de um humano, revirei meus olhos e me encostei em uma das árvores. - Olá vampirinho. - Disse a ele, com um tom de voz debochado de sempre. Assim que ele guiou seu olhar para mim, cruzei meus braços, mas permaneci encostada na árvore e o fitei. Enquanto aguardava sua resposta permaneci com meus ouvidos atentos, pois poderia aparecer outra criatura ali.


Template By Flying Away from TDN
Angeline Pervensie
Admin
Mensagens :
28

Dracmas :
5037

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Liesel Bartole Rizzon em Sab Jun 30, 2012 4:03 pm





I'm the baddest baby in the atmosphere...
Ooh. Everything you know I'm flipping upside down.Take you 'round the world. You know I like it loud. Tell me what you want 'cause we can do just what you like.You make me feel that. La la la la la. You make me feel so. La la la la la...




Sabe tudo aquilo que vimos e ouvimos sobre os lobos? Que um simples surto de humor podemos explodir em bolas de pelos? Então, tudo ai se veem do mito. Na verdade, eu ainda não entendia muito bem. Ate o momento, eu só havia tido duas transformações. E isso estava me perturbando. - Mais a quem não estaria. - Murmurei em quanto chutava uma pedra para longe e me sentava. Aonde eu estava? Ao cemitério, ao topo de uma colina, perto da antiga igreja, observando duas figuras um tanto quanto similares. Uma mulher e um homem. Um casal talvez. Dei os ombros e continuei na minha.



Post #001 .
© KAY & Lies Rizzon
Liesel Bartole Rizzon
Lobisomens
Mensagens :
2

Dracmas :
4834

Reputação: :
0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Aaron F. Willian em Sab Jun 30, 2012 4:09 pm

Cemitério!

<< #001>>




Parei em frente ao túmulo, uma doce voz penetrava em meus ouvidos. Respiro fundo sentindo seu doce perfume.
-Hm...Veja só!
Palavras saiam da minha boca enquanto me virava para a tal garota. Me aproximei da mesma pegando em sua mão dando-lhe um beijo.
--O que fazes por aqui?!
Perguntei. Um cheiro deferente penetra em minha narinas, um lobisomem, Arh! Olho para o lado e vejo uma m..mulher? Sim, até que ela não era de se jogar fora. Assobio para ela e faço um sinal para se juntar a nós.


Aaron F. Willian
Mensagens :
4

Dracmas :
4974

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Angeline Pervensie em Sab Jun 30, 2012 4:21 pm

{The good girl

and the only thing left
{was a bad girl.}



Today is 30/06/2012

Party!

The Clothes :Aqui

Interaction with no one






-Falas



Não demorou muito e logo ele estava a minha frente e em seguida beijou minha mão, revirei os olhos, mas permaneci com um leve sorriso nos lábios. - O mesmo que você, dando uma volta. - Me desencostei da árvore e de imediato senti um cheiro diferente, o mesmo entupiu minhas narinas, Arg!. Desviei meu olhar do vampiro a minha frente para a origem do cheiro. - Uma Licantropo... Huum. - Sussurrei para mim mesma e deixei que um novo sorriso se formasse em meus lábios. Escutei oque o vampiro havia dito, para que ela se aproximasse, deixei com que se formasse um leve sorriso debochado no canto de meus lábios e aguardei a decisão da garota.


Template By Flying Away from TDN
Angeline Pervensie
Admin
Mensagens :
28

Dracmas :
5037

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Liesel Bartole Rizzon em Sab Jun 30, 2012 4:44 pm





I'm the baddest baby in the atmosphere...
Ooh. Everything you know I'm flipping upside down.Take you 'round the world. You know I like it loud. Tell me what you want 'cause we can do just what you like.You make me feel that. La la la la la. You make me feel so. La la la la la...




Ainda estava a os observar, eles eram... Diferentes? Logo dei por mim onde eu estava. Mystic Falls. Onde nada era normal. Onde uma lider de torcida era vampira e o filho da prefeita algo como eu. Suspirei e semi cerrei meus olhos em quanto via o sinal para que eu me aproximasse. - Droga - Murmurei com um sotaque italiano evidente ali, virando as minhas costas e me afastando. Saindo da li.



Post #002 .
© KAY & Lies Rizzon
Liesel Bartole Rizzon
Lobisomens
Mensagens :
2

Dracmas :
4834

Reputação: :
0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Aaron F. Willian em Sab Jun 30, 2012 4:54 pm

Cemitério!

<< #001>>




Sorriu para a garota.
-E eu já to começando a gostar desta voltinha!
Disse olhando de cima a baixo da loira. Ao perceber que o meu convite fora negado pela garota que sumiu do cemitério, volto minha atenção para a garota. Pego em sua mão lhe guiando até um tumulo, onde a coloquei sentada enquanto ficava em sua frente.
-Aaron!
Disse.


Aaron F. Willian
Mensagens :
4

Dracmas :
4974

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Aaron F. Willian em Sab Jun 30, 2012 4:59 pm

off :post's congelados até Angelinne Postar u.u
Aaron F. Willian
Mensagens :
4

Dracmas :
4974

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Angeline Pervensie em Qua Jul 04, 2012 5:19 pm

Saio dali com o Aaron u.u
Angeline Pervensie
Admin
Mensagens :
28

Dracmas :
5037

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Wendy A. Rienhoff Lewis em Dom Jul 08, 2012 7:07 am

Wendy Rienhoff

Não importa o quão difícil a vida possa ser algumas vezes, se você permanecer forte, vai conseguir vencer.


O dia estava meio nublado, a brisa um pouco fria e eu estava inspirando e expirando umas trocentas vezes, me preparando para ir ao cemitério, ver o túmulo de meus pais. Hoje completa exatamente 17 anos que eles estão mortos, fico triste por não ter nenhuma lembrança deles, as vezes quando vejo as outras pessoas com seus pais fico me perguntando, porque isso teve de acontecer comigo?, mas fazer oque, tomara que a vida tenha me reservado alguma coisa melhor.
Fui a primeira a acordar como sempre, desci as escadas e dei de cara com minha irmã bêbada, caída no sofá, revirei os olhos e segui até a cozinha. Olhei a minha volta e percebi que havia uma janela aberta, ergui uma de minhas sobrancelhas e olhei para minha irmã, corri até a porta e percebi que ela estava aberta, se ela entrou pela porta, porque a janela estaria aberta?, perguntei a mim mesma e balancei a cabeça, voltei a me aproximar da janela e a fechei. Subi as escadas novamente e entrei no banheiro que havia em meu quarto, comecei a me arrumar. [...] Depois de algum tempo já havia terminado, estava com uma roupa em tons escuros, fui descendo as escadas com algumas flores em mãos e me deparei com minha tia, ela estava com uma cara meia triste e logo me abraçou forte, eu suspirei e retribui ao seu abraço, me segurei para não deixar uma lágrima escorrer pelo meu rosto. Dei um beijo em sua testa e fui andando até a porta, abri a mesma e sai de casa, permaneci caminhando durante um bom tempo até que enfim cheguei no cemitério. - Vamos lá, você consegue, sempre conseguiu. - Disse para mim mesma e adentrei o cemitério. Não havia nenhuma alma viva ali no local, irônico não? , fui caminhando até o tumulo de meus pais, me ajoelhei e deixei as flores por cima do mesmo, limpei a lágrima que automaticamente escorreu pelo meu rosto. Me levantei e avistei um rapaz ao longe, ergui uma de minhas sobrancelhas e percebi que ele começara a me fitar, suspirei e me retirei dali, fui em direção a pequena capela que havia ali perto.



Template@Sharmelles
Wendy A. Rienhoff Lewis
Mensagens :
16

Dracmas :
4815

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Angeline Pervensie em Sab Jul 14, 2012 11:09 am

{The good girl

and the only thing left
{was a bad girl.}



Today is 14/07/2012

Party!

The Clothes :Aqui

Interacting with Manuela.






-Falas


Como sempre, eu estava isolada nunca gostei de ficar com os outros apesar que se precisassem de mim era fácil me encontrar, pois sempre estaria na floresta ou no cemitério, a menos que eu esteja revoltada, só deixo que me acham quando quero.
Hoje definitivamente eu estava muito irritada, não aguentava mais escutar a voz Lucy, era uma coisa irritante ela não parava de falar uma vez sequer de Axel, estava quase arrancando seu pescoço fora. Para não arrumar confusões, mas do que eu já arranjava, sai de casa sem falar com ninguém e fui rumo ao cemitério da cidade. Permaneci perambulando por lá durante um bom tempo, Axel já havia passado por lá para me procurar, mas me escondi então a tentativa dele foi inútil. Ele sabia que eu estava por perto, só não sabia onde, então foi embora e deixou que eu aparecesse na mansão depois, como sempre. - Até que fim. - Sussurrei comigo mesma ao perceber que ele havia ido embora. Saí do meu esconderijo que era exatamente dentro de um dos túmulos e comecei a perambular novamente pelo cemitério. Não demorou muito e comecei a sentir um cheiro de perfume feminino, mas não era familiar então não era ninguém de meu clã, mas mesmo assim revirei os olhos e balancei minha cabeça, mas tentei ignorar a presença de outro ser ali. Segui até um dos caixões e me sentei nele, puxei novamente o ar e percebi que a pessoa estava se aproximando, mas pelo seu cheiro estava claro que não era uma humano, franzi o senho, mas permaneci ali, calma e fingi que nem havia notado a sua presença.


Template By Flying Away from TDN


Última edição por Angeline Pervensie em Sab Jul 14, 2012 12:24 pm, editado 1 vez(es)
Angeline Pervensie
Admin
Mensagens :
28

Dracmas :
5037

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Manuella Fryndes em Sab Jul 14, 2012 11:34 am

Sentindo uma presença Feminina e angustiante , me aproximei do mesmo
Tumulo ,
Ola, qual seu nome?Mais nada della responder ,
naum sabia se erra minha presença que a incomodava ou erra algum problema pessoal ,
continuei ali parada sem reação a esperando me responder se ella respondesse

Esta com algum problema ? posso te ajudar A mesma
da uma pequena olhada pra mim quase a falar mais nada da voz sair , já estava preocupada
se a culpa daquilo era minha então comecei a me afastar ao pouco e me sentar a uns 2 Túmulos dali
, mesmo com a presença della fiquei incomodada Por esta ali próxima a ella e ao mesmo tempo
esta sozinha perto daquele túmulo , quando uma presença inesperada aparece , Sim era Brendon
, Aquele adorável rapaz que tinha conhecido umas horas antes , me aproximei delle

Oii Brendon , Estou preocupada com aquela mesma moça em 2 túmulos antes
, Falei com ella e nada de me responder , ella deve esta com problemas , bora falar com ella .
.Nos aproximamos da mesma menina , e ai falamos com ella , uma
surpresa foi que sim ella respondeu , ela veio a conversa
Manuella Fryndes
Vampiros
Mensagens :
8

Dracmas :
4857

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Brendon A. H. Darkmout em Sab Jul 14, 2012 11:53 am

Cemitério Cool
Existem momentos na vida em que a única alternativa possível é perder o controle.
F
azia somente alguns dias que havia retornado a cidade. Havia viajado, queria sair um pouco da rotina e parar pensar só em mim, só no Brendon. E assim que voltei tive um pequeno encontro com uma vampira e depois de uma conversa criamos um clã, finalmente algo para me animar mais e mais um motivo para ficar na cidade.

Sempre gostei de lugares escuros, mal iluminados ou então meio que abandonados. Então decidir ir ao cemitério que havia perto de miha casa, não é um lugar onde se encontram muitas pessoas, isso me agrada. Assim que cheguei percebi que não estava sozinho, ao adentrar mais me deparei com duas vampiras, sendo que uma delas eu conhecia, era Manu uma velha amiga e a outra nunca havia visto antes.

Após perceber que Manu havia notado a minha presença e dirigiu a palavra a mim eu me aproximei, dei um beijo em uma de suas bochechas e escutei oque ela havia dito, desviei meu olhar para a vampira isolada e abri um leve sorriso de canto nos lábios. - Vamos resolver isso . - Disse me aproximando da garota, bela por sinal. Ajudei Manu a sair de cima do túmulo e fomos andando na direção da garota. Rapidamente nos aproximamos, eu cruzei os braços e a fitei, fiquei aguardando por algum sinal ou um tapa.

TEMPLATE BY: INNOCENCE
Brendon A. H. Darkmout
Mensagens :
6

Dracmas :
4810

Reputação: :
0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Angeline Pervensie em Sab Jul 14, 2012 12:11 pm

{The good girl

and the only thing left
{was a bad girl.}



Today is 14/07/2012

Party!

The Clothes :Aqui

Interacting with Manuela & Brendon.






-Falas


Não demorou muito e percebi que a garota veio em minha direção, revirei os olhos e a fitei. Pude escutar perfeitamente suas palavras e a observei com uma de minhas sobrancelhas erguidas. Ao perceber que a tentativa de falar comigo seria inútil a garota se afastou e sentou alguns túmulos depois do que eu estava. Bufei e revirei meus olhos, voltei a olhar para frente e balancei minha cabeça. - Os Vampiros de Hoje em dia estão ficando malucos. - Disse num questionamento a mim mesma.
Depois de algum tempo senti um cheiro de perfume masculino que entupiu minhas narinas e ao sentir o cheiro de sangue percebi novamente que era um vampiro. - Estão fazendo uma comemoração aqui, legal! - Disse ironicamente e revirei os olhos. Pude escutar perfeitamente a conversa entre os dois e pude perceber que o vampiro era um tanto metido e se achava. Não demorou muito e a vampira voltou a se aproximar, mas dessa vez estava com o vampiro que cruzou os braços e me fitou, entendi aquilo como um desaforo ou em desafio. Desci do túmulo e os fitei séria, eles recuaram um passo para traz, mas desviaram seus olhares do meu. - Algum problema? Ou estão querendo apenas encher meu saco? - Disse com um tom de voz um pouco alterado. Hoje definitivamente não estava para gracinhas, Lucy havia me irritado muito, agora dois desconhecidos, só podem estar de sacanagem com a minha cara. O rapaz ficou me olhando com uma cara de bocó e a garota permaneceu quieta, ambos estavam sérios. Eu cruzei meus braços e me encostei no caixão, permaneci com uma expressão um tanto debochada no rosto.


Template By Flying Away from TDN
Angeline Pervensie
Admin
Mensagens :
28

Dracmas :
5037

Reputação: :
0

Idade :
24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Manuella Fryndes em Sab Jul 14, 2012 12:24 pm

------------------------------------------ Cemitério --------------------------------------


A fitei ao perceber o seu tom de voz e a sua ignorância , só estávamos lá para ajuda-la e naum para brigar , mais era isso que parecia que ela queria , a fitei mais intensamente com uma das sobrancelhas erguidas , Naum queria arrumar inimigos , mais por fim era isso que acabara acontecendo , me pós logo na frente a encarando Calma naum queremos te encher só queremos saber o problema mais claro vooc e tão mesquinha pra dizer . Continuei a fita-la a espera de sua resposta . já angustiada com a pequena situação me aproximei dela e esqui uma de minhas mãos a espera dela a segurar . Olhava para Brendon desconfiada , mais com tudo sobre controle .

Frase aqui
Manuella Fryndes
Vampiros
Mensagens :
8

Dracmas :
4857

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Brendon A. H. Darkmout em Sab Jul 14, 2012 12:37 pm

"]
Cemitério Cool
Existem momentos na vida em que a única alternativa possível é perder o controle.
A
o perceber a aproximação das duas e seus olhares intensos e meio que revoltados arregalei os olhos, não queria me meter, pelo menos enquanto ainda não acontecia nada.

Logo escutei oque Manu havia dito para a garota, levei uma de minhas mãos até meu rosto e tapei o mesmo e bufei, vai ter porrada e você vai apanhar babaca, quer ver?, discuti comigo mesmo e retirei minha mão do rosto. Ao perceber o olhar da garota para com Manu dei um passo a frente e fiquei ao lado de Manu, apesar de saber que puderia apanhar se algo acontecesse, teria ao menos tentado evitar. - Calma falo? Como ela disse não queremos ser ''inimigos'' só estamos querendo ajudar. - Ao acabar de dizer esta frase olhei para um dos lados, isso ta parecendo fala de um E.T quando chega a um planeta desconhecido Bred, pensei comigo mesma e voltei a olha-las.

Fiquei aguardando alguma reação das duas.


TEMPLATE BY: INNOCENCE
Brendon A. H. Darkmout
Mensagens :
6

Dracmas :
4810

Reputação: :
0

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Manuella Fryndes em Sab Jul 14, 2012 1:00 pm

------------------------------------------ Frase aqui --------------------------------------


S Posteres em espera , continuaremos mais tarde .

Frase aqui
Manuella Fryndes
Vampiros
Mensagens :
8

Dracmas :
4857

Reputação: :
0

Idade :
28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cemitério

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares
» ♦ Grupo 5 - O levante - Externo, Tarde (Ares)
» Cemitério
» Cemitério de Little Hangleton
» Cemitério da Vila Kakariko
» Cemitério Abandonado

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum